Media & Público

a. Qual a dimensão das obras em curso no futuro edifício da Faculdade de Medicina? (o que está a ser construído, remodelado, etc)

O edifício, situado no campus de Sintra, está já a ser reabilitado para receber a Faculdade de Medicina da Universidade Católica Portuguesa e terá a principal intervenção na criação de dois espaços: laboratório de anatomia e biotério.

Adicionalmente, todos os restantes espaços do edifício serão modernizados, tais como: os laboratórios de competências; as salas de aulas; os anfiteatros; o refeitório; a biblioteca, entre muitos outros.

Mais informações em Edifício Campus de SintraInstalações e Equipamentos.

b. O que irá dispor o edifício de Medicina após as obras?

O projeto de adaptação do edifício da Faculdade de Medicina no campus de Sintra está concluído e já se encontra a ser executado. Irá dispor de toda a infraestrutura necessária para a realização do Mestrado Integrado em Medicina.

Para mais informação ver Instalações e Equipamentos.

c. Quando será inaugurada a Faculdade?

A abertura da Faculdade de Medicina está prevista para 1 de setembro de 2021.

d. Onde estará sediada a Faculdade de Medicina?

A Faculdade de Medicina situa-se no campus de Sintra.

Para mais informações consulte Edifício Campus de Sintra.

e. Quantas vagas existem na Faculdade de Medicina?

No primeiro ano de abertura do curso serão admitidos 50 estudantes e aumentando progressivamente até aos 100 estudantes por ano.

Mais informações em Apresentação.

f. Quando é que o curso começará a ser lecionado?

O Mestrado Integrado em Medicina terá início em 13 de setembro de 2021.

g. Quem fará parte dos órgãos de gestão da Faculdade de Medicina?

A constituição dos órgãos de gestão da Faculdade de Medicina será publicada brevemente.

h. Com quem posso entrar em contacto para saber mais informações sobre o projeto?

O contacto preferencial é o email da Faculdade de Medicina.

E-mail: medicina.fm@ucp.pt 

Nota: Deverá colocar no assunto do email "Media" seguido de "nome da instituição" e "assunto".

i. Conseguirão os estudantes de Medicina da Católica exercer a sua profissão com a mesma preparação do que os alunos do ensino público?

O Mestrado Integrado em Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade Católica Portuguesa segue todas as diretivas nacionais e europeias, mais informações em Direção-Geral do Ensino Superior.

A formação superior em Medicina é regulamentada a nível europeu, tendo em vista o reconhecimento da respetiva qualificação profissional entre os Estados-Membros. 

j. Em que aspetos é o curso de Medicina da Católica diferenciador dos restantes?

O Mestrado Integrado em Medicina da Faculdade de Medicina da Católica oferece várias características diferenciadoras que o tornam único e inovador. 

Mais informações em Características diferenciadoras.

k. Sabendo que a Ordem dos médicos crê que os estudantes da UCP não estarão igualmente preparados porque as condições socioeconómicas dos pacientes que frequentam o SNS são diferentes face aos dos hospitais público, como pensa a UCP preparar os alunos?

Os estudantes do Mestrado Integrado em Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade Católica Portuguesa, para além de realizarem rotações e estágio clínico em unidades de saúde do Grupo Luz Saúde, terão acesso a diferentes ambientes hospitalares, nomeadamente:

A Faculdade de Medicina continuará a celebrar protocolos de cooperação com mais hospitais e unidades de saúde do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e/ou que cooperam com este, para garantir que os seus estudantes serão expostos a um alargado espectro de ambientes e patologias clínicas.

Mais informações em Parceiro Clínico – Grupo Luz Saúde.

l. Fala-se atualmente da falta de médicos em Portugal. O curso de medicina na Católica aparece com o objetivo de colmatar essa necessidade?

A Faculdade de Medicina da Universidade Católica Portuguesa, com o Mestrado Integrado em Medicina, propõe oferecer um ensino de Medicina de elevada qualidade, alargando a oferta formativa em Portugal e contribuindo para a qualidade da Medicina no nosso país.

Mais informações em Missão, Visão e Objetivos Gerais.

m. Qual o motivo para o curso ser lecionado em Inglês?

A Universidade Católica Portuguesa leciona 21 ciclos de estudos conferentes de grau em língua inglesa, distribuídos entre licenciatura, mestrado e doutoramento.

De relevar que o facto de o curso ser lecionado em língua inglesa irá contribuir para a internacionalização do ensino da Medicina de matriz portuguesa, o que constitui um outro aspeto diferenciador deste curso e uma mais valia para o ensino superior português.

Mais informações em Métodos de Ensino.

n. Qual o valor da propina?

O valor das propinas refletirá o custo real estimado da formação de um médico em Portugal. 

Mais informações em Bolsas e Propina.